Do que se passa lá em baixo: Moda Lisboa Parte III

quarta-feira, 15 de outubro de 2014

Cia. Marítima

Cia. Marítima começou por ser uma marca de swimwear mas tem cada vez mais roupa e acessórios, para nos acompanhar em várias alturas e não só na praia.
Biquinis, triquinis, vestidos, saibas de banho, de tudo um pouco foi o que nos apresentou a marca, em cores lindas e super verão!

O desfile contou com a participação da supermodelo brasileira Carol Francischini, para além da portuguesa Jessica Athayde, a volta da qual se gerou uma polemica enorme e talvez haja agora uma revolução e uma luta contra a ditadura da beleza. Apoio tudo o que ela disse no texto escrito no seu blog!









Filipe faísca

No desfile do estilista Filipe Faísca esteve presente a obra de Joana Vasconcelos -  uma pistola, formada por antigos telefones ( a artista está sempre a inovar sem sair da sua linha artistica) e enriqueceu o seu desfile, cujo tema é "call center".
As cores predominantes são o branco e o preto, que se foram cruzando em cada coordenado.






Christophe sauvat

O nome do criador era desconhecido para mim mas depois de uma pesquisa percebi que o seu trabalho é bastante conhecido e apreciado internacionalmente, por curiosidade foi o fundador da marca francesa antik batik, em 1990.
Um dia conheceu filipa de abreu, apaixonaram-se e tambem seguiram a vida profissional juntos criando a marca christophe sauvat.
As peças são marcadas por detalhes, influências étnicas, folk, bordados, missangas, cores e prints, tudo o que queremos no verão certo?





Ricardo preto

Esta coleção do designer traz um toque muito feminino da mulher, com saias e vestidos pelo joelho e inspirações militares com detalhes dourados que se misturam com preto e pastel.




Sem comentários:

Enviar um comentário